top of page

Luiz Carlos Barbur faz parte dos 200 anos de Ponta Grossa

Empresário está a frente de importante hotel em Ponta Grossa




Em 2023, Ponta Grossa completa 200 anos e, nestes anos muita coisa mudou, principalmente o fluxo de turistas de lazer e de negócios.

E, para recepcionar as pessoas que passaram pela cidade estava o Barbur Plaza Hotel do empresário Luiz Carlos Barbur.

E, para comemorar o aniversário e conhecer o empreendedor de sucesso na cidade, conversamos com ele:





1- como você avalia o crescimento de Ponta Grossa e seu impacto no seu negócio?

O crescimento da nossa cidade foi notável.

Observamos uma mudança radical em vários segmentos do município que até então eram considerados modestos por assim dizer. Na urbanização de várias áreas e na verticalização tanto comercial como residencial foram as mais evidentes.

Essas mudanças todas proporcionaram um desenvolvimento ímpar da nossa cidade, a exemplo do turismo que teve uma projeção bastante significativa. Já tínhamos um turismo corporativo consolidado, mas o crescimento do turismo ao ar livre em decorrência do período pós pandêmico veio trazer um importante impulso no setor. Em resposta a isso, nós do Barbur Plaza Hotel estamos passando por uma revitalização geral de nossas instalações acompanhando essa nova fase do turismo ponta-grossense.


2- Como você observa tantas mudanças ao longo dos anos e como isso beneficiou ou esquentou a cabeça do seu negócio?

Nossa história empresarial iniciou com meu pai Alexandre João Barbur em 1939. Lá se vão 84 anos de atividades em vários ramos comerciais, e ao longo desses anos, nossa empresa passou por muitos bons momentos de crescimento, mas também enfrentou períodos de crises políticas e planos econômicos frustrantes. Mas todas essas dificuldades vencidas, vieram trazer “ganho muscular” à nossa empresa, que foi se adaptando às mudanças que o tempo vai determinando.


3- Empreender era algo de família? poderia falar um pouco?

Empreender sempre foi a palavra mestra em nossa família.

O marco inicial como já falei foi em 1939 quando meu pai se retirou da sociedade que participava e fundou sua empresa individual com nome fantasia de Organizações de Vendas São Paulo-Paraná. Seguiram-se outras atividades como serraria, comercio atacadista de tecidos, também armarinhos e perfumaria por atacado, chegando hoje na hotelaria, construção civil e administração de bens próprios.

Como empresa familiar, já estamos com a terceira geração participando da gestão dos negócios.


4- Qual é sua mensagem para os 200 anos de PG?

Como genuinamente ponta-grossense, temos orgulho de estarmos sediados aqui e podermos fazer nossa história nessa cidade, participando desse momento tão marcante dos 200 anos e pedimos a Deus que nos conceda o privilégio de estarmos ativos ainda para podermos comemorar muitas outras datas tão importantes quanto essa, quem sabe os 300 anos.


5- Como foi para você ser reconhecido como um guerreiro do comércio?

Quando se vem de uma rotina de trabalho de muito tempo, tem aquelas horas que você se pergunta: será que está tudo certo? Como minha empresa é vista da porta para fora? Estou conseguindo imprimir nela os valores herdados? Estarei no rumo certo ou o dia a dia me distraiu do essencial?

E, de repente vem uma homenagem muito importante para mim. Fui escolhido entre tantos outros empresários com esta distinção. Fui percebido na minha atividade, e isto deu-me uma sensação de estar bem cumprindo meu dever.

Agradeço àqueles que me honraram com a escolha de Guerreiro do Comercio!


José Carlos Loureiro Neto, presidente do Sindilojas Ponta Grossa e Região, parabeniza o empreendedor.

“São pessoas com garra, como Luiz Carlos Barbur, que fazem Ponta Grossa se destacar cada vez mais seja no turismo, comércio, prestação de serviços e negócios”.

Comments


bottom of page