top of page

Dia das Crianças movimentará o varejo ponta-grossense

Data é uma das favoritas pelo alto volume de compras


mãe e filha provando óculos de sol
Diversos itens estão na lista de compras para o Dia das Crianças | Foto: Gustavo Fring

O Dia das Crianças é uma data importante para o comércio e em Ponta Grossa não é diferente, onde os comerciantes já estão se preparando para o aumento no volume de compras para o feriado.

E a expectativa é boa, pois dados divulgados pela Fecomércio-PR e Sebrae/PR mostram que 74% dos entrevistados vão presentear, crescimento de quase 10% em comparação a 2021.


Segundo Willian Vidal Quadros, gerente das Lojas Giga Ponta Grossa, a perspectiva é boa:

“A expectativa é de um fluxo grande de pessoas (...) será um dos meses mais movimentados da empresa com expectativa de boas vendas”.

O gerente menciona ainda que os produtos vendidos são variados. “Os campeões de venda são aqueles com preço mais baixo e em grande quantidade para doação, pois o mês da criança é o mês da doação”. Bola e boneca fazem parte da lista de compras.


Ainda de acordo com a pesquisa estadual, a maioria vai presentear as crianças com brinquedos (55,6%), seguindo por roupas e calçados (45,7%) e jogos educativos (9,6%).


Do centro aos bairros, as compras vão acontecer em toda cidade e quem está distante, segundo a pesquisa, sai na frente, pois 26,1% dos entrevistados desejam comprar perto de casa.


Elaine Cristina Nadal, gerente da Arco Íris Presentes, acredita nos dados:

“As pessoas atualmente, devido a rotina de trabalho e as várias tarefas do dia a dia, preferem a comodidade de seu lar ou lugares próximos de suas residências onde possam encontrar tudo o que procuram em um único lugar sem grandes problemas de filas ou lugares para estacionar”.

José Carlos Loureiro Neto, presidente do Sindilojas Ponta Grossa e Região, ressalta que este é um dos melhores momentos para vender. “O Dia das Crianças é um dos termômetros do varejo e dá uma estimativa da Black Friday e Natal, com isso, podemos ter ideia de como será o fim de ano e qual será o volume de vendas”.


Em 2022, segundo relato dos lojistas ponta-grossenses, as vendas aumentaram e são superiores a 2020 e 2021 e estão superando 2019, período pré pandemia.


Proteção ao lojista

Com ticket médio em R$200, muitas lojas vão oferecer o famoso crediário aos clientes e por isso, devem recorrer aos sistemas de proteção ao crédito, a fim de evitar dores de cabeça.

No Sindilojas Ponta Grossa e Região o lojista tem acesso ao SCPC Boa Vista, maior sistema de proteção ao crédito no Brasil. Já o consumidor pode consultar suas dívidas ativas na plataforma.

Mais informações no site www.sindilojaspg.com.br.

Comments


bottom of page