top of page

Comércio varejista paranaense tem aumento de 4,3% no volume de vendas

Texto: Fecomércio PR


Setores com melhores desempenhos no primeiro mês do ano foram livrarias e papelarias, concessionárias de veículos, combustíveis e óticas, cine-foto-som



As vendas do comércio paranaense tiveram crescimento de 4,3% em janeiro de 2023 na comparação com janeiro de 2022, segundo a Pesquisa Conjuntural da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná (Fecomércio PR).


Os setores com melhores desempenhos no primeiro mês do ano foram livrarias e papelarias (19,75%), concessionárias de veículos (15,04%), combustíveis (13,84%) e óticas, cine-foto-som (11,88%). Por outro lado, as lojas de farmácias e materiais de construção apresentaram quedas nas vendas, de 20,25% e 5,24%, respectivamente.


Na comparação com dezembro, diante do grande volume das vendas de Natal e fim de ano, o varejo paranaense mostrou redução habitual, na proporção de 16,54% em praticamente todos os segmentos. As exceções foram materiais de construção, cujas vendas aumentaram 8,01%, e autopeças, com alta de 6,67%.


Regiões

O ano começou bem sobretudo para os varejistas da região Sudoeste, onde verificou-se elevação de 10,54% nas vendas, com destaque para os ramos de materiais de construção (22,53%) e concessionárias de veículos (21,47%). Em Curitiba e Região Metropolitana o faturamento do comércio cresceu 7,85% na comparação com janeiro de 2022.


Em Maringá a alta foi de 5,64%; em Ponta Grossa houve crescimento de 4,66% e na Região Oeste as vendas foram 2,95% maiores.


Somente Londrina apresentou redução nas vendas de 3,7%.


Confira os gráficos:




Comments


bottom of page